Energia Solar

Vida útil dos painéis solares e investimento em energia solar

By 23 de junho de 2020 junho 26th, 2020 No Comments

A energia solar tem sido um assunto muito falado e comentado no nosso país. E não é pra menos. Um excelente investimento para empresas, consumidores residenciais e rurais, estádios de futebol e uma infinidade de outros setores da economia que se beneficiam cada vez mais das vantagens de instalar energia solar para gerar lucro e reinvestimento.

Mas ainda há dúvidas sobre a energia solar que pairam na cabeça dos consumidores.Nós da Spin Solar, com base no histórico dos nossos clientes, verificamos que algumas dessas dúvidas estavam relacionadas com o entendimento do funcionamento da energia solar e do investimento em si. Tanto na parte prática, quanto na parte burocrática.

Vamos aos fatos. Ao adquirir um sistema fotovoltaico, o consumidor adquire um equipamento, que são as placas solares, geradoras da energia que será consumida. Essas placas tem uma vida útil, ou prazo de validade, que é o tempo em que vão absorver a irradiação solar e que pode chegar a 30 anos! Como todo produto, o bom uso dessas placas fará com que elas funcionem melhor, ou seja, absorvam por mais tempo a irradiação solar. A Spin  Solar é uma empresa que oferece aos seus clientes serviço de manutenção das placas e do sistema em geral. Veja aqui

Quanto ao investimento em energia solar, é amplamente conhecido que se trata de um excelente investimento para empresas, em especial. Quando uma empresa instala painéis solares, ela está instalando uma usina de energia no seu imóvel que tem um custo. O consumidor pode optar pelo pagamento a vista, ou optar pelo financiamento da sua usina de energia.

Agora o pulo do gato: digamos que o consumidor optou por financiar em 5 anos o sistema de energia para sua empresa. O equipamento de placas que ele adquiriu dura 30 anos, lembra?

A partir do momento que o cliente instalou sua usina de energia solar e a energia começar a ser gerada, a distribuidora passará a cobrar somente a  taxa de distribuição pelo uso da rede, pois a energia está sendo gerada no estabelecimento do cliente e não será mais usada a energia que vem da distribuidora.

Passados os 5 anos, o consumidor pagou o financiamento, tem mais 25 anos em que sua usina estará produzindo energia, pagará somente a taxa de distribuição pelo uso da rede da distribuidora, e no saldo final dessa conta, lucro garantido por 25 anos, pois sua “fatura atual de luz” é algo em torno de 95% inferior ao que era antes de ter sua própria usina de energia solar. Sensacional, né?

Por Débora Grün

Foto de Gustavo Fring no Pexels

Leave a Reply